Perhaps, Perhaps, Perhaps

Perhaps, Perhaps, Perhaps

Ba da, ba da, ba da da da
Ba da, ba da, ba da da da

You won’t admit you love me, and so
How am I ever to know
You always tell me
Perhaps, perhaps, perhaps

A million times I’ve asked you, and then
I ask you over again
You only answer
Perhaps, perhaps, perhaps

If you can’t make your mind up
We’ll never get started
And I don’t wanna wind up
Being parted, broken-hearted

So if you really love me, say yes
But if you don’t dear, confess
And please don’t tell me
Perhaps, perhaps, perhaps

Perhaps, perhaps, perhaps

If you can’t make your mind up
We’ll never get started
And I don’t wanna wind up
Being parted, broken-hearted

So if you really love me, say yes
But if you don’t dear, confess
And please don’t tell me
Perhaps, perhaps, perhaps
Perhaps, perhaps, perhaps
Perhaps, perhaps, perhaps

Talvez Talvez Talvez

Ba da, ba da, ba da da da
Ba da, ba da, ba da da da

Você não admitirá que me ama
E assim como saberei?
Você só me diz
Talvez, talvez, talvez

Milhões de vezes eu pergunto pra você
E então eu te pergunto mais uma vez
Você só reponde
Talvez, talvez, talvez

Se você não pode abrir sua mente
Nós nunca começaremos
E eu não quero terminar
despedaçada, com o coração partido

Então se você realmente me ama, diga sim
Mas se você não ama, querido, confesse
E por favor não me diga
Talvez, talvez, talvez

Se você não pode abrir sua mente
Nós nunca começaremos
E eu não quero terminar
despedaçada, com o coração partido

Então se você realmente me ama, diga sim
Mas se você não ama, querido, confesse
E por favor não me diga

Talvez, talvez, talvez
Talvez, talvez, talvez
Talvez, talvez, talvez

 

Deixe uma resposta

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.