Entrevista no Site Oficial

Entrevista no Site Oficial
Ano: 2002

Então, você viajou bastante hein?

E: Sim, viajei muito. Eu estive na Austrália e foi fantástico, eu me diverti muito e foi maravilhoso. Eu cantei no Olympic Stadium para 58 mil pessoas (no Rumba festival) e eles cantaram ‘What Took You
So Long’ comigo. Foi um sentimento maravilhoso e isso meio que me deixou preparada para uma turnê.

58 mil pessoas! Foi o maior público que você já teve?

Não, acho que pro Capital foram 70mil. Mas eu cantei só 5 músicas na Australia e mal pude acreditar no enorme público que foi, eles foram incríveis. A recepção foi simplesmente fantástica. Minha mandíbula estava até doendo porque eu estava rindo muito. Eu olhei em volta pra banda e fiquei tipo ‘wow’! Foi um sentimento muito estranho, realmente chocante. Era um mar de mãos balançando no ar. Cada pessoa na platéia estava com suas mãos pro alto. Foi fabuloso.

Você vai voltar pra lá?

Espero que sim. Espero mesmo. Foi fantástico.

‘We’re not Going to Sleep Tonight’ é o seu novo single. Eu li que o NME(New Music Express) deu nota 9.

Sério? Que ótimo. O single será lançado no dia 10 de Dezembro e é uma daquelas músicas que te fazem querer dançar. Tem um ritmo bem animado e meio dance. Fala sobre sair com seus amigos. Quando você tem uma daquelas noites quando você sai com seus amigos e você se diverte muito. Eu a escrevi para todos os meus
amigos com os quais eu saio muito ou então fico em casa mesmo. Eu também adoro aquelas noites que você coloca o pijama, pega a pizza, as amigas em volta e você coloca uma musiquinha e fica só nessa. É muito importante.

Sem homens então?

Não. Bem na verdade, os homens podem fazer isso por conta própria. É quando só as garotas saem juntas ou só os garotos saem juntos.

Você está bem sexy no clipe!

Obrigada.

Foi divertido filmá-lo?

Foi, muito divertido. Eu meio que tive essa idéia de que queria que fosse numa discoteca mas não queria na mesma que dos outros clipes. Então eu meio que fui nesse lugar mod/rocker, mas também bem contemporâneo. Nós criamos moda, bem legal. Eu adorei cada minuto, trabalhei com um grande diretor, Viv Griffen. Trabalhei com uma grande coreógrafa chamada Tonia. Então tive juntar as coisas. Minha prima também estava lá, ela aparece muito rápido, mas estava linda. E eu me diverti muito.

Voltando ao single, eu notei que no CD tem uma influência muito latina, mas a versão do rádio tem um ritmo levemente diferente, qual você prefere?

Eu prefiro a versão do single. Eu adoro a versão do CD mas eu queria algo mais discoteca, uma batida mais forte para o single. Eu tive que discutir algumas vezes com o produtor porque eu queria ter certeza que saísse do jeito que eu queria, e eu acho que ficou ótima. Está muito mais dance, com uma batida mais forte. E também tem uma coreografia que eu faço e as crianças estão adorando, o que é muito importante também.

Quando você vê o que pode ser feito com suas músicas, as variações, isso faz você pensar, talvez eu possa tentar fazer isso ou aquilo com as outras?

Claro, eu to fazendo muito isso. Obviamente eu tenho uma banda atrás de mim agora e isso é muito bom pois somos grandes amigos. Quando nós vamos fazer shows, nós fazemos acústicos e mudamos as batidas, e isso é muito legal de se fazer. Eu acho que é uma boa coisa pra fazer. Com ‘What took you so long’, quando a canto no acústico, ela fica diferente, soa muito bem.

Como você se sente agora, nessa fase da sua carreira?

Muito animada. O Cd já ganhou disco de ouro, está indo bem pelo mundo, e isso só com dois singles. Me sinto muito sortuda e de novo os fãs, eles são a razão de eu estar aqui, então eu quero agradecê-los. Estou me divertindo muito. Estou pensando no Natal, trabalhei muito nesse ano então estou pensando em tirar uma
folguinha. Vai se bom pra mim.

Vai ser um descanso muito longo.

Descansarei um pouco demais sim, umas 2 semanas.

Se você pudesse ter qualquer coisa de Natal, o que seria?

Acho que já ganhei algo há algumas semanas atrás quando me tornei titia, é o melhor presente de Natal que poderia pedir. Só em ter um bebê por perto no Natal é muito especial. Então isso, e então outras coisas… Adoro coisas pequenas, velas, meias e calcinhas e sutiãs, muito importante! Eu gosto de pequenas coisas como chocolate no café da manhã!

Na verdade, eu tinha ‘chocolate orange’ (!) pro café da manhã outro dia e então eu pensei “igual no Natal” e percebi que nunca tinha comido chocolate de manhã, a não se no Natal quando você pega sua grande caixa de chocolate e todos brigam pelos chocolates que vão pegar. Eu adoro isso.

Você mencionou que virou titia há 7 semanas atrás.

Sim

Como é ser titia?

É ótimo porque sou muito próxima do meu irmão, e temos esse amor incondicional. Ele (o bebê) é como meu pequeno menino, eu o amo. É muito especial. Eu poderia comê-lo. Não posso mas poderia. De fato eu tenho uma pequena foto dele aqui comigo. Ele realmente parece um pequeno homem.Oh, ele é tão fofinho, to te falando, ele é
a coisa mais doce do mundo. Eu o amo. Quando fui embora minha mãe colocou essa foto na minha cama.

Qual o nome dele?

Alfie

Daqui uns dias você fará um Chat com a gente, e acredito que você irá cantar ao vivo?

Vou, vou fazer um pequeno acústico. Vou me encontrar com a banda amanhã e nós vamos ensaiar algumas músicas, mas obviamente vamos cantar ‘What took you so long’, ‘Take my breath away’, ‘Were not gonna sleep tonight’ e depois talvez outra música. Talvez..

J: Você e Damage estarão no G.A.Y no fim de semana – como vai se com você e o Jade – um de vocês vai tentar roubar a cena?

Não, não tem competição. Vamos ter uma noite maravilhosa, realmente queremos isso porque podemos nos divertir depois. Serei a última apresentação e vou cantar 3 músicas, tenho alguns dançarinos que são muito sexys quando aparecem comigo e vai ser uma grande
noite. Estou muito animada com isso.

Por que você resolveu se envolver tanto com o NSPCC do que com outras caridades?

Estive um pouco envolvida com o NSPCC agora e estou envolvida com outras 5 ou 6 caridades que envolvem crianças. Pra mim, as crianças são o nosso futuro e meu coração está nas crianças. Estou envolvida com o Rainbow Trust, que lida com crianças no estado terminal de doenças. Também sou patrona de um novo grupo chamado ‘Art Start’ que lida com pessoas que não podem
pagar aulas de canto ou aulas de dança e então elas vão para esse grupo onde elas meio que fazem de tudo. Têm muitas outras, é onde o meu coração está e eu realmente gosto de fazer isso. Trabalho muito com essas caridades diferentes.

Por que isso?

Por minha causa, estar envolvida por crianças, acho que me relaciono melhor que com adultos. Mesmo, eu os amo, e também porque são muito honestos. Estando na situação que estou, poder ajudar, é grande parte do ‘por que’ faço isso. Eu simplesmente amo estar envolta por crianças e amo poder ajudar de alguma forma. Eu também ajudo na campanha ‘beat bullying’ (maus tratos). Fui sortuda em não ter passado por isso, mas eu conheço muitas pessoas que passaram por por isso, e só em estar envolvida nisso é muito bom. Então por isso trabalho com muitas caridades.

O que houve de melhor e de pior nas duas últimas semanas?

O melhor foi o show no Olympic Stadium em Sydney. E de pior? Acho que houve um dia quando estive na Austrália. É quando você está muito longe de casa e não pude pegar o telefone porque as  pessoas lá estavam no meio da noite, e você fica ‘quero falar com minha mãe ou meu namorado’, quando você só quer um pequeno contato com as pessoas de casa. Então o pior foi quando eu percebi ‘estou completamente sozinha aqui’. É muito longe, se você está na Europa você pode pegar o telefone e você sabe que só está há uma hora de casa. Mas quando se está 24 horas longe é meio angustiante.

Você já comentou alguns outros lugares onde o CD foi lançado. Há algum outro lugar que você vai ou algum que você gostaria de ir?

Acho que basicamente já estive na maioria dos lugares. Só quero mesmo agora fazer a turnê. Já estive no Japão e também por toda a Europa, então a próxima coisa pra mim é sair em turnê em todos esse lugares e fazer ao vivo com minha banda. É isso o que realmente quero agora.

Quer dizer, uma grande turnê arrasadora?

Sim, grande turnê. Começo no Reino Unido em março e com fé vou pro resto da Europa em abril.

Já está confirmado?

Não, ainda não mas está em andamento já.

Fantástico.

Eu sei, mal posso esperar.

Espero que você ainda lance a música ‘A Girl Like Me’.

Você é tão meigo, nós amamos ‘A Girl Like Me’. Mas achei que ‘We’re Not Going to Sleep Tonight’ era mais Natal, bem ‘festa!’.

Ela meio que me lembra coisas ‘spice’. Acho que por causa da energia.

Sim, definitivamente tem muita energia nessa música.

Quer dizer mais alguma coisa?

Quero só agradecer meus fãs por terem me apoiado tanto. Amo todos vocês, espero que gostem do próximo single que está à venda no dia 10 de Dezembro, e vocês têm que aprender a coreografia porque é muito legal. Então vejo todos vocês na
próxima vez, espero que todos saibam disso!

 

Deixe uma resposta

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.