Mel B diz à Justiça que vai falir se tiver que pagar taxa para ex marido

mb121
Mel B declarou à Justiça americana que poderá ir à falência se tiver que pagar ao seu ex-marido a quantia de US$ 500 mil (cerca de R$ 2,78 milhões) que lhe foi ordenada pela corte em 18 de setembro.

De acordo com documentos legais obtidos pelo jornal britânico Daily Mail, a artista – cujo nome verdadeiro é Melanie Janine Brown – deve pagar a Stephen Belafonte US$ 400 mil (R$ 2,22 milhões) em taxas legais e mais US$ 100 mil (R$ 556 mil) em taxas de contabilidade.

“Efetivamente, estarei insolvente e, muito provavelmente, terei que pedir falência”, Brown defendeu em uma declaração enviada ao juiz Mark Juhas. “Eu simplesmente não tenho condições de pagar uma quantia tão exorbitante.” Ela também apontou que não tem conseguido trabalhar por causa da pandemia da Covid-19, e pede para que Juhas diminua a quantia que ela deve ao ex-marido.

É estimado que a cantora tenha ganhado entre US$ 2 milhões (R$ 11,14 milhões) e US$ 10 milhões (R$ 55,68 milhões) na turnê das Spice Girls de 2019. Porém, além de não estar fazendo shows em 2020, ela também deve US$ 2,5 milhões (R$ 13,93 milhões) à Receita Federal americana e, mensalmente, tem de pagar US$ 15 mil (R$ 83,6 mil) de pensão a Belafonte e mais US$ 7,3 mil (R$ 40 mil) de pensão alimentícia da filha deles de nove anos, Madison, que mora nos Estados Unidos. Com essas quantias – mais os próprios gastos dela com o divórcio –, Brown estima que suas despesas para 2021 ficarão em torno de US$ 700 mil (R$ 3,9 milhões).

A cantora também desistiu de tentar levar Madison ao Reino Unido, onde a garota moraria com suas irmãs: Angel, de 13 anos, e Phoenix, de 21, filhas de relacionamentos anteriores de Brown com o ator Eddie Murphy e com o dançarino Jimmy Gulzar. “Devido à minha falta de acesso a fundos líquidos, retirei formalmente meu pedido de mudança internacional que estava anteriormente pendente em relação a Madison”, escreveu ela em sua declaração ao tribunal. Belafonte, por sua vez, se opõe a essa ideia e quer guarda total da filha.

Para pagar algumas das taxas do seu processo de divórcio, Brown conseguiu empréstimos de suas duas empresas: a Purple Owl e a MoneySpider.

Deixe uma resposta

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.